19 de abr de 2013

Lendo 'Os Miseráveis': Parte 2


Oi gente! Aqui é a Mari com a segunda parte do especial 'Lendo Os Miseráveis', que, como diz o título, vou falar um pouco sobre a minha leitura da obra original de Victor Hugo. Os posts vão ser geralmente de 200 em 200 páginas e você pode ler a primeira parte aqui.
Ainda no primeiro volume, intitulado Fantine, nas páginas seguintes são introduzidos inúmeros personagens notáveis e acontecimentos eletrizantes.

"Certas pessoas são más unicamente pela necessidade que têm de falar"

Muitos personagens importantes foram introduzido nesse pequeno período, como o destaque do volume, a bela e risonha Fantine. Tomamos conhecimento sobre o seu passado e sua primeira grande paixão, Tholomyès (pai de Cosette). Sua história comove a todos, principalmente quando a moça vem a deixar sua pequena filha nos cuidados do casal Thénardier numa estalagem e parte para a sua cidade natal para ganhar a vida.
Também nos é introduzido o misterioso senhor Madeleine, prefeito de Montreuil-sur-Mer, cidade onde Fantine trabalha. Seu passado é desconhecido e tudo o que sabem é que ele é um homem de pura bondade.
Ainda nesse período, conhecemos o policial Javert, que dedica sua vida em perseguir os que que ele define como criminosos. Logo que o senhor Madelaine chega à cidade, Javert desconfia do homem e jura já tê-lo visto em algum lugar antes.
Senhor Madelaine se põe a ajudar Fantine depois de salvá-la de seis meses de prisão e promete pagar tudo o que a moça deve para os Thénardier, que estão cuidando de sua filha e aumentam cada vez mais a mensalidade.
Acabamos descobrindo (eu já sabia, é claro, por causa do filme e da adaptação) que o prefeito Madeleine é ninguém menos que o refugiado Jean Valjean, que vendendo a prataria do bispo e praticando o bem conseguiu uma vida nova. Mas sua consciência começa a perturbá-lo quando Javert denuncia a si próprio por ter acusado Madeleine de ser Valjean, quando dias depois foi encontrado o "verdadeiro" Valjean, reconhecido por algumas pessoas. Madeleine se vê dividido em denunciar a si próprio como Jean Valjean e não deixar esse homem inocente ser condenado, ou ficar em silêncio e continuar a sua vida e ajudar Fantine a se recuperar e a reunir mãe e filha. Qual voz falará mais alto?



Generalizando, um dos acontecimentos mais importantes da história aconteceu nessa parte do livro, onde Jean Valjean se encontra dividido entre denunciar a si mesmo e voltar para as galés ou continuar vivendo sua vida à parte, escondido e com uma nova identidade.
Estou lendo o livro mais rápido do que eu imaginei, e acho que pelo menos mês que vem termino a obra completa (eu espero). Então em breve postarei o resumo das próximas 100/200 páginas.

P.S: Para entender bem a situação da Fantine, nada melhor do que ouvir a música interpretada por ela no musical.




Por: Mariane

2 comentários:

  1. Oiee lindas, tudo bem ?
    Eu não sei quem foi, mas uma de vocês passou no meu blog e fiquei muito feliz com o comentário. Espero que tenham realmente gostado do meu cantinho, porque logo logo ele vai estar de cara nova e espero que vocês façam parte da minha familia de leitores =]
    Enfim...gostei muito daqui também e vou segui-las tá ?? Mas posso pedir uma coisa ?? Segue meu blog, me linka e curte no facebook que eu darei retorno tudo bem??
    Fico aguardando respostas
    bjokas

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oiee lindas, tudo bem ?
    Eu não sei quem foi, mas uma de vocês passou no meu blog e fiquei muito feliz com o comentário. Espero que tenham realmente gostado do meu cantinho, porque logo logo ele vai estar de cara nova e espero que vocês façam parte da minha familia de leitores =]
    Enfim...gostei muito daqui também e vou segui-las tá ?? Mas posso pedir uma coisa ?? Segue meu blog, me linka e curte no facebook que eu darei retorno tudo bem??
    Fico aguardando respostas
    bjokas

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Link-nos!

 - Dicas para blogs