5 de mar de 2016

Resenha: Depois de Você, Jojo Moyes


Editora: Intrínseca
Número de páginas: 319
Data de lançamento: Dezembro de 2015


Em Depois de você, Lou ainda não superou a perda de Will. Morando em um flat em Londres, ela trabalha como garçonete em um pub no aeroporto. Certo dia, após beber muito, Lou cai do terraço. O terrível acidente a obriga voltar para a casa de sua família, mas também a permite conhecer Sam Fielding, um paramédico cujo trabalho é lidar com a vida e a morte, a única pessoa que parece capaz de compreendê-la.
Ao se recuperar, Lou sabe que precisa dar uma guinada na própria história e acaba entrando para um grupo de terapia de luto. Os membros compartilham sabedoria, risadas, frustrações e biscoitos horrorosos, além de a incentivarem a investir em Sam. Tudo parece começar a se encaixar, quando alguém do passado de Will surge e atrapalha os planos de Lou, levando-a a um futuro totalmente diferente.

      Contém spoilers do livro "Como eu era antes de você". Confira a resenha aqui.
     
      "Depois de Você" veio para e unicamente satisfazer os fãs do romance anterior, "Como eu era antes de você". Isso porque, para mim, a história podia (e deveria) ter terminado ali, com Louisa lendo a carta de Will em Paris, e com nós leitores imaginando seu futuro conforme nossa própria imaginação.
      
        Mas curiosa como sou, não pude deixar de conferir esse livro, mesmo sabendo que as chances de me desapontar eram muitas. Minha mãe leu antes de mim, e disse que precisava me contar uma coisa muito surpreendente que acontecia, e como eu detesto spoilers, tive que ler e conferir com meus próprios olhos.

     Realmente, algo surpreendente acontece no livro, algo que ninguém conseguiria imaginar. Mas essa é literalmente a única coisa que acontece na história.

           Mas nos voltemos a narrativa: Louisa Clark está tentando superar a morte de Will e se lembrando de suas últimas palavras, sobre como ela deve aproveitar a vida e vivê-la da melhor forma possível. Mas é claro que isso não está acontecendo, e ela atualmente trabalha em um bar vestindo uma roupa ridícula e nada do que tinha planejado está acontecendo.

        Ela está morando em um apartamento em Londres com o dinheiro que Will deixou para ela, e logo no começo do livro sofre um acidente horrível, despencando do terraço do prédio, enquanto andava do parapeito, tentando "provar" para Will que estava se arriscando.

        Deixando a grande surpresa do livro, com o aparecimento de uma pessoa do passado de Will em sua porta, nada de importante acontece. O novo interesse amoroso, na minha opinião, é totalmente dispensável e sem química alguma.

        Em resumo, foi um bom desfecho para a história de Lou (espero que seja mesmo o desfecho!) honrando os personagens e suas essências. Mas não chega aos pés do anterior, que era único justamente pela relação entre Lou e Will, que obviamente não existe mais na sequência.

        Por: Mariane

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Link-nos!

 - Dicas para blogs